Cervejaria Lund e Avesso formam collab e lançam “Café com Lúpulo”

Parceria inédita no Brasil une cervejaria artesanal de Ribeirão Preto (SP) a produtora de cafés funcionais de Ibiraci (MG) e gera produto que soma duas das maiores paixões nacionais

A cervejaria Lund e a empresa Avesso – Benefícios com Sabor de Café, ambas de Ribeirão Preto, na macrorregião da Alta Mogiana paulista, se uniram e criaram uma collab para  trazer ao mercado um produto inovador: “Café com Lúpulo”. A proposta foi elaborar um blend totalmente novo, sem alterar o aroma e o sabor autênticos da mais consumida bebida processada do Brasil e uma das principais do mundo.

O termo collab é o diminutivo da palavra inglesa collaboration, que em português significa “colaboração”. Collab, prática presente em vários segmentos da economia, se caracteriza pela união de nomes, personalidades, marcas, etc., para fornecer diferentes serviços ou inovar em produtos para um determinado público consumidor.

Cervejaria Lund e Avesso formam collab e lançam "Café com Lúpulo" Cafés Cervejarias Notícias
Café com Lúpulo – criação da Cervejaria Lund em parceria com a Avesso | Foto: Mel Garcia

Drip coffee

A primeira edição do “Café com Lúpulo” colocará no mercado 5.000 unidades, divididas em caixas com 10 flow packs cada. Bruno Garrefa, CEO da Lund, e Fernanda Rebel, fundadora da Avesso, optaram pelo drip coffee para servir o produto – um saché feito de TNT (Tecido Não Tecido) com duas hastes flexíveis que, ajustadas a um copo ou xícara, torna-se um coador. Basta o consumidor despejar entre 80 e 100ml de água fervente e degustar.

A comercialização será feita, inicialmente, nos bares da Cervejaria Lund em Ribeirão Preto e Sertãozinho (SP), pelas redes sociais e pelo e-mail . O lançamento do produto aconteceu na Mata do Leão, bar que leva no nome o símbolo da Lund, localizado na vizinha Sertãozinho, onde está sendo montada a segunda planta industrial da cervejaria e em cujo anexo está a linha de produção do “Café com Lúpulo”. O investimento da collab foi de R$ 3 milhões.

drip coffee vem se popularizando no mundo todo porque, tradicionalmente, preserva a essência da preparação de um café coado. “Este sistema prático, ágil e, principalmente, sustentável, evita desperdícios, permite que o café seja coado na hora, em poucos segundos, de acordo com a preferência do consumidor. É ele quem tem o poder de decisão sobre a intensidade do sabor, dependendo da quantidade de água que adicionará ao preparo”, conta Garrefa.

Avesso

A fundadora da marca Avesso, Fernanda Rebel, e seu marido, Lucas Viana, são produtores de café de Ibiraci. É da cidade mineira e de seu entorno que saem os grãos que compõem – e comporão, já que os parceiros não tencionam, pelo menos por hora, se distanciarem de fornecedores deste cenário – o blend do primeiro produto da collab. Os dois têm formação em Engenharia Agronômica e criaram a Avesso em 2019.

De perfil irrequieto e sempre pensando em novos projetos para empreender, ela decidiu criar uma marca que tivesse como princípio básico tornar o café mais funcional à saúde sem alterar o sabor essencial da bebida. Passou um ano e meio incubada no SUPERA Parque de Inovação e Tecnologia de Ribeirão Preto e buscou suporte e consultorias junto ao Sebrae (Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas) até criar os conceitos e os produtos.

Fernanda Rebel também detém a produção dos funcionais “Café com Colágeno”, “Café com Café Verde” e “Café com Canela”, além do “Café Tradicional”. Além do “Café com Lúpulo”, também o “Café com Malte” faz parte da collab com a Lund. “Nossa matéria-prima é de alta qualidade. Queremos que os amantes dessa bebida milenar encontrem em nosso produto, além do prazer da degustação, outros elementos que acrescentem mais praticidade, saúde e beleza as suas vidas”, afirma a empreendedora.

A proposta do “Café com Lúpulo” é trazer para o mercado um produto que seja a companhia perfeita na pausa da correria de um dia atribulado. “É a bebida certa para o seu momento ‘relax’. O lúpulo tem em sua composição uma propriedade aromática e, neste caso, foi usado para proporcionar sensações de leveza e relaxamento”, salienta Garrefa. De acordo com o empresário, mais de 30 tipos de lúpulos foram testados para se chegar à fórmula final.

Cervejaria Lund e Avesso formam collab e lançam "Café com Lúpulo" Cafés Cervejarias Notícias
O casal Fernanda Rebel e Lucas Viana proprietários da Avesso – Benefícios com Sabor de Café | Foto: Divulgação Lund-Avesso

Cervejaria Lund

A Cervejaria Lund tem tradição de 10 anos na produção de cerveja artesanal em Ribeirão Preto. Em 2019, foi adquirida dos fundadores pela holding BGF Alliance, criada por um grupo de investidores para impulsionar o mercado cervejeiro puro malte.

A BGF Alliance atua no mercado cervejeiro há mais de 30 anos. Tem em seu portfólio uma empresa fabricante de equipamentos para cervejarias, uma indústria de manutenção em usinas, o comércio de materiais industriais de inox e um CDCA (Centro de Desenvolvimento Cervejeiro e Alimentício).

Atualmente, a Cervejaria aumentou sua capacidade produtiva final de planta para 140 mil litros/mês. Os rótulos em linha são Lund Pilsen, Lund Wit Bier, Lund Weizen, Lund Pale Ale, Lund Munich Dunkel, Lund American Pale Ale, Lund India Pale Ale, Lund Avelã, além de rótulos sazonais.

Cervejaria Lund e Avesso formam collab e lançam "Café com Lúpulo" Cafés Cervejarias Notícias
Os irmãos Breno e Bruno Garrefa, proprietários da Cervejaria Lund | Foto: Divulgação Lund-Avesso 

Cerveja de qualidade

O Brasil é o terceiro maior mercado produtor de cervejas de todo o mundo, com cerca de 14 bilhões de litros por ano. A empresa Ambev lidera com 60% de participação, seguida por Heineken e Petrópolis, que detêm, respectivamente, 21% e 15% do segmento cada, segundo dados do Mapa (Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento do Brasil).

O Sebrae e a Abracerva (Associação Brasileira de Cerveja Artesanal) realizaram o primeiro Censo das Cervejas Independentes Brasileiras. Boa parte das empresas independentes, com produção própria, declarou produzir entre 1.000 e 4.999 litros mensais. Segundo dados de 2019 do Mapa, entre 2008 e 2018, as cervejarias artesanais saltaram de 70 para quase 900 – juntas, faturam perto de R$ 2,4 bilhões.

Os melhores grãos de café

O Brasil é um dos maiores produtores e exportadores de café do mundo. De acordo com a Embrapa (Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária), o país deverá colher, em 2020, cerca de 60 milhões de sacas de 60kg, um aumento de 25% em relação à safra de 2019. Deste total, 45 milhões de sacas são da espécie arábica e 15 milhões, da Conilon. Isso é, aproximadamente, 35% do total da produção mundial atualmente.

O Estado de Minas Gerais tem se destacado por ser o maior produtor de café arábica do Brasil, com uma produção estimada em 31 milhões de sacas. Este total representa 69% da produção brasileira e, também, 32% da mundial dessa espécie. A região de Ibiraci, onde são produzidos os cafés da Avesso, tem se destacado como fornecedora de café de qualidade e procedência.

Os dados e os números que permitiram esta análise são do Acompanhamento da Safra Brasileira de Café, de setembro deste ano, publicação trimestral elaborada pela Conab (Companhia Nacional de Abastecimento). A exportação total de café do Brasil (verde e industrializado), em 2019/2020, atingiu 39,9 milhões de sacas de 60 kg, queda de 3,6% frente ao ciclo anterior, de acordo com informações do Cecafé (Conselho dos Exportadores de Café do Brasil).

De acordo com a última pesquisa da Abic (Associação Brasileira das Indústrias de Café), o consumo da bebida em todo o mundo foi estimado em 165 milhões de sacas por ano. No Brasil, o cálculo é de 21 milhões de sacas anuais – perto de 13% de tudo o que é bebido de café no planeta.

Comentários

mood_bad
  • Ainda não há comentários.
  • Adicionar um comentário